Redirecionamento

17 maio, 2012

Exportações de Bananas: o RN Volta à Liderança Nacional

Três estados brasileiros lideram as exportações nacionais de banana e respondem por praticamente 98% das vendas externas do produto pelo Brasil. Esses estados são o Rio Grande do Norte, Santa Catarina e o Ceará.

Até o final de 2007 o RN mantinha uma folgada liderança nas exportações nacionais de banana, com um volume de exportações em 12 meses se aproximando dos US$ 30 milhões. Em segundo lugar aparecia Santa Catrina, com exportações de US 12 milhões anuais e depois o Ceará, cujo volume exportado ficava próximo (mas abaixo) dos US$ 4 milhões.

As enchentes que assolaram o RN no ano de 2008, com grandes inundações no Vale do Açu (principal pólo produtor de banana no RN) fizeram as exportações do estado recuarem fortemente  para a casa dos US$ 10,7 milhões (período de 12 meses) no início de 2009.

As inundações devastaram várias fazendas da principal produtora e exportadora de banana do estado, a multinacional Del Monte. A destruição das plantações não foram recompostas pela empresa em sua totalidade. A área plantada recuou e com ela a produção e as exportações.

Parte da produção local da Del Monte foi transferida para o vizinho estado do Ceará, com isso as exportações de lá mais do que triplicaram entre 2007 e 2007. 

Nesse intervalo o RN também perdeu a liderança para Santa Catarina. Desde o início de 2010, porém, que as exportações potiguares vem se alternando com as de SC na liderança nacional.

A liderança atual, porém, está sendo obtida em um contexto de queda generalizada no volume exportado. Assim, ultrapassamos SC porque aquele estado registrou uma queda no volume exportado mais acentuado que a nossa. Essa queda atingiu primeiro o RN, depois o Ceará e finalmente chegou em SC.

A crise nos países desenvolvidos (com impactos na demanda) e a valorização do Real podem estar na raiz desse movimento. 

As exportações de SC, porém, não são concorrentes do RN no mercado mundial. O estado da região sul exporta a quase totalidade de sua produção para os mercado do Mercosul, enquanto o Nordeste (RN e CE) tem nos mercados europeus e dos EUA seu principal destino. 

Nesse ano de 2012, nos 4 primeiro meses, o RN foi o único estado entre esses três a apresentar um aumento do valor das exportações de banana. Muito embora tenha sido um aumento pequeno (de apenas 0,37%), tal variação contratou com a queda de 31%  nas exportações do CE e de 45% nas de SC.

A melhora do nível do câmbio bem como a ausência de chuvas no sertão poderão fazer com que o RN volte a registrar em 2012 crescimento das exportações de banana. Em 2010 o estado exportou US$ 17,6 milhões e em 2011 o valor caiu para US$ 13,6 milhões.